" />
Notícia | Novidades
Guia quer educar a população para que se atente ao valor nutricional dos alimentos
Por Francine Prass Hatem. Visualizada 2507 vezes.

Artigo do jornal Zero Hora:


Guia quer educar a população para que se atente ao valor nutricional dos alimentos


Mudança busca adequar a dieta aos hábitos alimentares do brasileiro e valorizar produtos regionais

A pirâmide alimentar que norteia o Guia Alimentar Brasileiro do Ministério da Saúde está mudando. Foram inseridos novos alimentos com alto valor nutricional, com o objetivo de adequar a dieta à realidade e aos hábitos alimentares do brasileiro, fornecer à população informações nutricionais de modo acessível e valorizar os produtos regionais.

A nova pirâmide, apresentada no final de junho no 5° Congresso Brasileiro de Nutrição Integrada (CBNI), foi elaborada pela equipe da pesquisadora Sonia Philippi, do Departamento de Nutrição da Faculdade de Saúde Pública da USP.

— Os hábitos alimentares dos brasileiros mudaram, contribuindo para o aumento da obesidade no país. O objetivo da readequação não foi apenas se adaptar a essa nova realidade e à disponibilidade de alimentos, mas também educar a população para que se atente ao valor nutricional de cada alimento — diz Sonia.

Dados do IBGE e do Ministério da Saúde indicam que o peso dos brasileiros vem aumentando preocupantemente. O percentual de homens adultos com excesso de peso saltou de 18,5% para 50,1%, enquanto o índice de acima do peso passou de 28,7% para 48%.

O que mudou

No desenho atual, os alimentos estão distribuídos em oito grupos e quatro níveis, conforme o nutriente que mais se destaca na sua composição. Para cada grupo são estabelecidos valores energéticos, fixados em função da dieta e das quantidades dos alimentos, permitindo estabelecer os equivalentes em energia (kcal).

Uma alimentação saudável deve ser composta por quatro a seis refeições diárias, distribuídas em três refeições principais (café da manhã, almoço, jantar), com 15% a 35% das recomendações diárias de energia, e em até três lanches intermediários (manhã, tarde e noite), com 5% a 15% das recomendações diárias de energia.

Outras informações no endereço:
http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/vida/noticia/2013/07/guia...

» Vinho & Saúde
» "As NOVAS meninas-dos-olhos" - Matéria da Revista Veja do dia 07 de...
» Anabolizantes
» Maracujá - O bloqueador natural de gordura
» Mais uma notícia de interesse para o setor de alimentação coletiva.


Comentários
Atenção: Este espaço deve ser usado apenas para comentários, para perguntas utilize o formulário do link Fale Conosco.

Nome
E-mail (não será divulgado)

Comentário

* Todos os campos são obrigatórios

Nenhum comentário foi enviado ainda, seja o primeiro...


Eventos | Fale Conosco | Links | Login | Newsletter | Notícias | Política de Privacidade | Top 10
Todos os direitos reservados. A cópia de parte dos textos é permitida, desde que cite a origem.
Desenvolvido por FP2 Tecnologia